CONECTA NEWS – 04/03/2022

Fique ligado nas principais notícias do agronegócio no Brasil e no mundo. O conteúdo do Conecta News é uma parceria com o SAFRAS & MERCADO por meio da Agência SAFRAS

Agricultura

img-news
FERTILIZANTES: Embrapa diz que Brasil deve cortar consumo em 20% em 2022/23
O Brasil trabalha para cortar o uso local de fertilizantes em 20% em 2022/23. Segundo a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), a cadeia de fornecimento está apertada após as sanções impostas à Rússia e a Bielorrússia em meio à guerra na Ucrânia. A medida deve fazer com que produtores economizem cerca de US$ 1 bilhão durante a temporada. A Embrapa disse que o Brasil planeja reduzir a demanda por importações em 25% até 2030.

AÇÚCAR REFINADO: Londres fecha com forte alta
A ICE Futures Europe (Bolsa de Londres) para o açúcar refinado fechou as operações com cotações acentuadamente mais altas. Os contratos com entrega em maio/2022 fecharam a US$ 532,30 por tonelada, alta de US$ 17,10 a tonelada (+3,3%) na comparação ao fechamento anterior. Agosto/2022 fechou a US$ 519,10 por tonelada, valorização de US$ 16,60 a tonelada (+3,3%). No acumulado da semana, o contrato maio teve alta de 8,1%.

ALGODÃO: Missão de vendedores aproxima Brasil e Paquistão
O Cotton Brazil Outlook 2022, realizado em Dubai, consolidou o Brasil como firme fornecedor de algodão para o Paquistão, terceiro maior consumidor e quarto maior importador mundial da fibra. O evento foi promovido pela Associação Brasileira de Produtores de Algodão (Abrapa), em parceria com a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil) e a Associação Nacional de Exportadores de Algodão (Anea), em programação paralela à Expo Dubai 2020. 
O acesso a informações atualizadas sobre safra e exportação brasileiras e a interação entre cotonicultores brasileiros e industriais paquistaneses foram muito bem avaliados pelo público, que reuniu mais de 100 empresas do setor têxtil e do algodão do Paquistão. "Começamos a produzir o 'novo' algodão brasileiro há 25 anos, e apenas recentemente nos tornamos grandes exportadores. Ainda podemos dobrar o volume destinado ao mercado externo, alcançando 4 milhões de toneladas. Essa é nossa meta", afirmou o presidente da Abrapa, Júlio Cézar Busato. 
A missão deve resultar na ampliação da participação brasileira no mercado paquistanês. "Brasil e Estados Unidos são nossos maiores fornecedores. Vimos hoje o quanto a cotonicultura brasileira evoluiu nos últimos anos. Creio que o próximo passo é aperfeiçoar o acesso aos testes de qualidade por High Volume Instrument (HVI) antes dos embarques", sugeriu Adil Bashir, industrial e ex-presidente da All Pakistan Textile Mills Association (APTMA). 

CAFÉ: Londres avança com recuperação técnica, seguindo petróleo
A Bolsa Internacional de Finanças e Futuros de Londres (ICE Futures Europa) para o café robusta encerrou as operações desta sexta-feira com preços mais altos. As cotações avançaram no dia após recentes quedas num movimento corretivo. Ajustes técnicos determinaram a reação, com o robusta acompanhando também a subida do petróleo. O arábica na Bolsa de Nova York (ICE Futures US) teve um comportamento errático, mas no momento do fechamento de Londres, operava também com ganhos, reagindo após ter perdas em parte do dia. Porém, no balanço da semana, o contrato maio acumulou uma baixa de 6,4%. Os contratos para entrega em maio/2022 fecharam o dia a US$ 2.038 a tonelada, com valorização de US$ 25, ou de 1,2%. A posição julho/2022 fechou a US$ 2.013 a tonelada, ganho de US$ 22, ou de 1,1%.

FERTILIZANTES: Rússia recomenda suspensão das exportações
O governo russo recomendou que as empresas do setor suspendam a exportação de fertilizantes. A informação foi divulgada pela agência Interfax, citando autoridades do governo local. Também foi sugerido a suspensão da circulação de contêineres.

ARROZ: Metade Norte do RS recebe mais chuvas de 10 a 25 de fevereiro – Irga
O Irga informou, através de boletim, que entre 10 e 24 de fevereiro, a Metade Norte do Rio Grande do Sul recebeu mais precipitações. Na Metade Sul, as chuvas variaram entre zero e 50 milímetros. As informações são do Irga. 

EMPRESAS: BTG mostra visão positiva para JBS após dados de exportação
O BTG Pactual, em análise sobre os dados apresentados ontem pelo governo federal, avalia que as exportações de carne bovina como o maior destaque das proteínas brasileiras, com volumes e preços muito fortes. Segundo o banco, o setor de aves não impressionou em nenhum dos dois aspectos por causa dos spreads sob pressão devido aos maiores custos de alimentação e ao real mais forte. Os volumes de exportação de aves de fevereiro foram suaves, caindo 1% na base anual. Já no caso das carnes bovinas, houve preços se recuperando e recorde de exportações: 48% de expansão (ajustado diariamente) na base anual. Os Estados Unidos continuam a ser o porto mais seguro para o impulso de ganhos no espaço de proteínas, mesmo que os spreads de carne bovina tenham mostrado alguns sinais de desaceleração durante o mês. "Mesmo assim, nossa visão positiva sobre a JBS continua, com avaliações subestimadas e forte geração de fluxo de caixa livre para o acionista mesmo sob margens normalizadas',diz a análise do BTG. O risco-recompensa da Minerva também está bom, e deve melhorar mais até o fim do ano, diz o banco. "Permanecemos Neutro na Marfrig, devido à sua maior exposição a uma normalização do ciclo de carne bovina nos EUA e riscos de alocação de capital." Com informações da Agência CMA.

AGRONEGÓCIO: Governo argentino declara emergência agrícola em Entre Ríos
A província de Entre Ríos, na Argentina, foi declarada em estado de emergência agrícola até 31 de julho para fazendas de milho, sorgo, bovinos, caprinos, ovinos, produtores de leite, horticultura, noz pecan, citros e silvicultura, afetados pela seca e por altas temperaturas e incêndios. Através da resolução publicada no Diário da República, a emergência agrícola vigorará de 1 de janeiro a 31 de julho, tendo sido determinada esta última data de conclusão do ciclo produtivo para as explorações agrícolas afetadas nas áreas declaradas. Além disso, foi indicado que, para se qualificar para os benefícios, os produtores afetados devem apresentar um certificado emitido pela autoridade competente da província, informando que suas propriedades ou fazendas estão incluídas nos casos previstos. As informações são da Agência CMA Latam.

logo