CONECTA NEWS – 08/02/2022

Fique ligado nas principais notícias do agronegócio no Brasil e no mundo. O conteúdo do Conecta News é uma parceria com o SAFRAS & MERCADO por meio da Agência SAFRAS

Agricultura

img-news
ALGODÃO: USDA estima safra 2021/22 da India em 27,4 milhões de fardos
A produção de algodão da India está estimada em 27,4 milhões de fardos no ano comercial 2021/22 (que inicia em agosto de 2021), ante 27,9 milhões no período anterior. As informações são do Gain Report, do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA). A área está prevista em 12,15 milhões de hectares, ante 13 milhões no período anterior. As exportações do país foram projetadas em 5,9 milhões de fardos para 2021/22, ante 6,189 milhões no período anterior. O consumo doméstico deve atingir 26,5 milhões de fardos, ante 25 milhões de fardos em 2020/2021. Os estoques finais foram previstos em 9,739 milhões de fardos para 2021/2022, ante 13,739 milhões na temporada anterior.

MILHO: Brasil deve embarcar 521,203 mil toneladas em fevereiro, aponta ANEC
As exportações brasileiras de milho deverão ficar em 521,203 mil toneladas em fevereiro, conforme levantamento semanal da Associação Nacional dos Exportadores de Cereais (ANEC). Em fevereiro do ano passado, o Brasil exportou 508,407 mil toneladas. Em janeiro de 2021, os embarques do cereal somaram 2,223 milhões de toneladas. No acumulado de 2022, os embarques atingem 2,744 milhões de toneladas. Na semana entre 30 de janeiro e 5 de fevereiro, dados apontam que o Brasil embarcou 495,392 mil toneladas. No período entre 6 de fevereiro e 12 de fevereiro, a ANEC indica que a exportação deve ficar em 94,381 mil toneladas de milho.

SOJA: Brasil deve embarcar até 7,5 mi de toneladas em fevereiro, aponta ANEC
As exportações brasileiras de soja em grão deverão ficar em 7,5 milhões de toneladas em fevereiro, conforme levantamento semanal da Associação Nacional dos Exportadores de Cereais (ANEC). Em fevereiro do ano passado, as exportações ficaram em 5,510 milhões de toneladas. Em janeiro, o país embarcou 2,282 milhões de toneladas. Na semana entre 30 de janeiro e 5 de fevereiro, o Brasil embarcou 1,314 milhão de toneladas. Para o período entre 6 e 12 de fevereiro, a ANEC indica a exportação de 2,526 milhão de toneladas. Para o farelo de soja, a previsão é de embarques de 1,893 milhão de toneladas em fevereiro. No mesmo mês do ano passado, o total exportado foi de 890,368 mil toneladas. Em janeiro, volume ficou em 1,581 milhão de toneladas. Na semana passada, as exportações ficaram em 329,776 mil toneladas e a previsão para esta semana é de 457,910 mil toneladas.

AÇÚCAR REFINADO: Londres fecha sessão com cotações mistas
A ICE Futures Europe (Bolsa de Londres) para o açúcar refinado fechou as operações com cotações mistas. Os contratos com entrega em março/2022 fecharam a US$ 499,60 por tonelada, alta de US$ 1,1 a tonelada (+0,22%) na comparação ao fechamento anterior. Maio/2022 fechou a US$ 483,00 por tonelada, queda de US$ 5,00 a tonelada (-1,02%).

SOJA: Preço sobe forte em MT na última semana – Imea
Motivada pela alta no mercado internacional, a saca de soja matogrossense teve valorização de 4,49% na semana passada. As informações constam no Boletim Semanal do Imea - Instituto Mato-grossense de Economia Agrícola.

GRÃOS: Iraque vai importar milho e soja de acordo com necessidades
O Iraque importará milho e soja, de acordo com as necessidades do mercado doméstico, informou a agência de notícias estatal do país nesta segunda-feira, citando um porta-voz do Ministério da Agricultura. As informações são da Agência Reuters.

MILHO: Plantio da safrinha em Goiatuba (GO) atinge 20% da área
O plantio de milho safrinha atinge em torno de 20% da área estimada de 35 mil hectares em Goiatuba, no sul de Goiás, de acordo com a Emater local. O engenheiro-agrônomo Alceu Marques Filho ressalta o ritmo de cultivo perdeu força nos últimos dias em razão das chuvas registradas desde o último sábado na região, superando os 150 milímetros. "Os trabalhos vêm avançando, na medida em que a soja é colhida", afirma. Apesar das chuvas, o desenvolvimento inicial da safrinha está muito bom, entre as fases de germinação (50%) e crescimento vegetativo, com um potencial de produtividade estimado em 6.000 quilos por hectare. No que tange ao sorgo, os 25 mil hectares estimados ainda não começaram a ser cultivados, o que ocorrerá assim que os produtores concluírem a semeadura de milho. A expectativa é de que o rendimento médio das lavouras possa chegar a 3.000 quilos por hectare. Em termos de safra verão, os cerca de 1,5 mil hectares cultivados com milho apresentam condições de desenvolvimento, na fase de maturação final. O rendimento médio previsto segue em 9.000 quilos por hectare. De acordo com levantamento de SAFRAS & Mercado, o plantio da safrinha no estado de Goiás atingia 0,5% da área estimada de 2,404 milhões de hectares até o dia 4, contra 0,1% no mesmo período do ano passado, que teve cultivo de 2,35 milhões de hectares. Já a média de cultivo da safrinha no estado nos últimos cinco anos para o período é de 7,1%.

CAFÉ ROBUSTA: Londres acompanha sinalização positiva do arábica em NY
A Bolsa Internacional de Finanças e Futuros de Londres (ICE Futures Europa) para o café robusta encerrou as operações desta terça-feira com cotações em leve alta. Os contratos para entrega em março/2022 fecharam o dia a US$ 2.246 a tonelada, com alta de US$ 13, ou de 0,58%. A posição maio/2022 fechou a US$ 2.234 a tonelada, ganho de US$ 16, ou de 0,72%. O mercado acompanhou parcialmente a sinalização positiva do café arábica negociado em Nova York, ainda dominado por operações de rolagens de março para diante permanecem no foco, faltando poucas semanas para o vencimento da primeira posição.

SOJA: Chuva volumosa interrompe colheita em Goiatuba (GO
A colheita de soja da safra 2021/22 em Goiatuba, no sul de Goiás, foi interrompida em razão dos elevados volumes de chuvas registrados nos últimos dias, de acordo com informações da Emater local. O engenheiro-agrônomo Alceu Marques Filho destaca que desde o último sábado foram registrados mais de 150 milímetros de chuvas, o que travou as atividades de colheita. "Há previsão de que a chuva possa continuar nas próximas quatro semanas, o que já preocupa o produtor tanto em termos de risco de ocorrência de grãos ardidos quanto de aumento de custos para a secagem dos grãos", avalia. Até agora, pouco mais de 10% da área de 75 mil hectares cultivados foi colhida e o rendimento médio tem sido bastante satisfatório, superando os 3.720 quilos por hectare. "Temos cerca de 30% das lavouras em fase de maturação final, aguardando a melhora do clima para serem colhidas. As 70% restantes estão na fase de maturação inicial", comenta. Segundo levantamento de SAFRAS & Mercado, a colheita da safra de soja atingia 10% da área em Goiás até o dia 4, contra 4% na semana anterior. No mesmo período de 2021 os trabalhos estavam completos em 2% da área, enquanto a média para o período nos últimos cinco anos é de 5,2%.

logo