John Deere logo

    Conecta

    Sua fonte centralizada de notícias Agro

    Exportações do agro brasileiro se diversificam

    Brasil abre 24 novos mercados para produtos agropecuários nacionais desde janeiro de 2023
    Rafael De Marco
    Arquivo
    Arquivo

    Tags:

    Mercado

    Que o Brasil é um dos maiores exportadores de alimentos e produtos ligados a essa cadeia produtiva, você já sabe. Mas você sabia que o país conquistou a abertura de 24 novos mercados para produtos da agropecuária nacional desde janeiro de 2023?

     

    Os mais recentes, que ocorreram são a exportação de alimentos mastigáveis para animais de companhia (pet food) para a África do Sul e de farinhas de aves para alimentação animal para o Equador.

     

    De acordo com a Secretaria de Comércio e Relações Internacionais do Ministério da Agricultura e Pecuária, as importações da África do Sul de pet food foram de aproximadamente US$ 60 milhões em 2022. Nesta categoria, o Brasil exportou quase US$ 100 milhões para outros mercados.

     

    Também no ano passado, o Equador importou farinha de origem animal para alimentação animal de todo o mundo no valor de US$ 554 milhões.

     

    Exportações do agro brasileiro se diversificam 1

    O trabalho de abertura de mercados externos não contempla apenas a venda de produtos tradicionais dos quais o Brasil já é um grande exportador, como carnes, milho e soja, mas de diversos produtos da cadeia agrícola, atendendo ao objetivo do Ministério da Agricultura e Pecuária de diversificar a pauta exportadora brasileira.

     

    Desde o início do ano, o Mapa contabiliza a abertura de 24 mercados nas Américas, Ásia, África e Oceania para a exportação dos mais diversos produtos de variados setores da agropecuária.

    Com informações do Ministério da Agricultura e Pecuária