John Deere logo

    Conecta

    Sua fonte centralizada de notícias Agro

    VOCÊ CONECTADO: Fique ligado nas notícias do dia (30/10)

    Conecta traz um resumo dos principais fatos e acontecimentos que impactam o agronegócio no Brasil e no mundo para que o produtor rural termine o dia bem informado
    Rafael De Marco
    Arquivo
    Arquivo

    Tags:

    Agronegócio

    ETANOL: Produtores rurais sugerem aumento da mistura na Argentina para aliviar escassez de combustíveis

    A solução para a falta de combustível nos postos argentinos é a substituição da gasolina importada pela produção local de etanol, disse a Associação Argentina de Milho e Sorgo (MAIZAR). Segundo a Maizar, a Argentina gastou mais de US$ 1 bilhão em importações este ano e o país tem que reformar a lei atual que estabelece uma adição de 12% (E12) de etanol à gasolina, "longe do E25 no Paraguai ou do E27 no Brasil, que também utiliza o E100 em sua frota de veículos flex". Um aumento de, por exemplo, 3 pontos no mix, significaria uma produção adicional de 300 milhões de litros de etanol por ano, o que representa cerca de 750 mil toneladas a mais de milho industrializado por ano, com uma consequente agregação de valor, desenvolvimento regional e geração de centenas de empregos diretos no interior do país", explica a instituição. Ainda conforme a Maizar, a produção de etanol reduz 70% das emissões de gases do efeito estufa e há um excedente de milho que é exportado como grão, que poderia servir para a produção de etanol a custos competitivos em todo o mundo. É hora de o etanol ser apoiado por um plano estratégico sério, com regras de jogo claras, segurança jurídica e vontade política.

     

    MILHO: Área da primeira safra 2023/24 no Piauí deve diminuir

    O plantio de milho primeira safra ainda não teve início no estado do Piauí e deve ocorrer após o plantio da soja, sendo estimado entre o final de novembro e o mês de dezembro. De acordo com o diretor executivo da Associação dos Produtores de Soja (Aprosoja Piauí), Rafael Maschio, que concedeu entrevista à Agência SAFRAS, a expectativa é de que a área cultivada pelo estado possa ser menor frente ao ano passado. A Conab trabalha com uma expectativa de área de milho total para todo o estado do Piauí de 405,1 mil hectares na primeira safra, incluindo dados da agricultura familiar e do setor empresarial. A projeção da estatal é de que a área possa recuar 14,4% frente aos 473,3 mil hectares plantados na temporada 2022/23, que migrariam para a cultura da soja. Rafael sinaliza que a agricultura empresarial responde por 45% a 50% da área total plantada de milho no estado, que é cultivada na região do cerrado. A tendência é de que a área no estado possa recuar frente aos 250 mil hectares cultivados no ano passado, por conta dos atrasos nas chuvas, dos custos de produção elevados e dos baixos preços praticados para o cereal, ficando ao redor de 200 mil hectares ou até abaixo disso. A entidade destaca, por outro lado, que, por conta dos elevados investimentos tecnológicos, a produtividade média deve seguir próxima aos 7.500 quilos por hectare obtidos na última safra.

     

    EMPRESAS: Citrosuco Obtém Empréstimo 'Verde' de US$ 100 milhões vinculado aos seus compromissos ESG

    A Citrosuco, uma das maiores produtoras de suco de laranja do mundo, anunciou a obtenção de um novo empréstimo atrelado a seus compromissos ESG, desta vez de US$ 100 milhões em parceria com o Bradesco. Este marco representa mais um passo significativo em sua jornada ESG - Ambiental, Social e Governança. Como parte deste compromisso financeiro, a empresa se comprometeu a alcançar uma representatividade de 27% de mulheres e negros em cargos de liderança até 2027. Quanto ao ESG, a Citrosuco tem estabelecidas seis metas para 2030, incluindo o compromisso público de atingir uma representatividade de 30% de mulheres e pessoas negras em sua liderança até 2030. Em 2020, a empresa tinha uma representatividade de 16% em cargos de liderança, e desde então tem consistentemente ampliado sua cultura e ambiente de diversidade.

     

    SOJA: Inspeção de exportação dos EUA atinge 1.890.227 toneladas

    As inspeções de exportação norte-americana de soja chegaram a 1.890.227 toneladas na semana encerrada no dia 26 de outubro, conforme relatório semanal divulgado pelo Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA). Na semana anterior, as inspeções de exportação de soja haviam atingido 2.625.693 toneladas. Em igual período do ano passado, o total inspecionado fora de 2.586.228 toneladas. No acumulado do ano-safra, iniciado em 1o de setembro, as inspeções somam 9.949.392 toneladas, contra 10.226.606 toneladas no acumulado do ano-safra anterior.

     

    MILHO: Inspeção de exportação dos EUA soma 531.516 toneladas

    As inspeções de exportação norte-americana de milho chegaram a 531.516 toneladas na semana encerrada no dia 26 de outubro, conforme relatório semanal divulgado pelo Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA). Na semana anterior, haviam atingido 449.261 toneladas. Em igual período do ano passado, o total inspecionado foi de 445.693 toneladas. No acumulado do ano-safra, iniciado em 1o de setembro, as inspeções somam 4.945.072 toneladas, contra 4.216.155 toneladas no acumulado do ano-safra anterior.

     

    PORTOS: Santos supera 16 mi de toneladas em setembro e estabelece novo recorde mensal

    A movimentação de cargas no Porto de Santos, em setembro, estabeleceu novo recorde histórico mensal e ultrapassou, pela primeira vez, a marca de 16 milhões de toneladas. Somando 16,2 milhões de toneladas em setembro, um crescimento de 19% sobre o mesmo período do ano passado (13,6 milhões de toneladas), o maior porto da América Latina superou, também, a maior marca mensal anterior, registrada em junho deste ano (15,6 milhões de toneladas). Esse desempenho elevou o movimento acumulado no ano para 127,6 milhões de toneladas, um aumento de 3,1% e a maior marca para o período. Em setembro, as exportações somaram 12,3 milhões de toneladas, 26,9% a mais do que o desempenho verificado no mesmo mês de 2022 (9,7 milhões de toneladas). Já as importações apresentaram ligeira queda de 0,7%, somando 3,8 milhões de toneladas. No acumulado do ano, os embarques totalizaram 95,7 milhões de toneladas, um crescimento de 6,3%, enquanto as importações chegam a 31,8 milhões de toneladas, queda de 5,3%.

     

    CARNE SUINA: Agroceres PIC lança Guia Valor Máximo de Carcaça

    A Agroceres PIC acaba de lançar no mercado brasileiro o Guia Valor Máximo de Carcaça. Elaborado pela equipe técnica da Agroceres PIC, com o apoio da equipe de Ciência Aplicada de Carne da PIC, o guia reúne e sumariza uma série de metodologias, avaliações, procedimentos e orientações técnicas, cuidadosamente organizados, para oferecer um amplo suporte de recomendações para otimizar o valor da carcaça e a qualidade da carne suína. De caráter científico e com foco na indústria, a publicação também discute conceitos e sistematiza conhecimento, fornecendo informações atualizadas sobre o valor total da carcaça e recomendações para gerenciá-lo. Estão compilados no guia não apenas os fundamentos clássicos, mas também as últimas descobertas científicas e orientações para sua aplicação prática nas plantas frigoríficas. O guia O Valor Máximo de Carcaça Agroceres PIC já está disponível e pode ser solicitado junto à equipe da Agroceres PIC.

     

    SOJA: Plantio atinge 80% na região de Cornélio Procópio (PR); chuvas são abundantes

    Embora tenha sido paralisada temporariamente devido a condições climáticas adversas, a semeadura de soja atingiu 80% da área designada para o cultivo na região de Cornélio Procópio, no norte do Paraná. De acordo com o técnico do Departamento de Economia Rural (Deral), Paulo Mileo, em entrevista exclusiva à Agência SAFRAS, não há evidências de problemas relacionados a doenças até o momento. As lavouras se dividem entre as fases de germinação (40%) e desenvolvimento vegetativo (60%). "Apesar das chuvas recentes terem impactado temporariamente nossas operações, as culturas implantadas não sofreram atrasos significativos em seu crescimento e manejo, compartilhou. A meteorologia indica precipitações adicionais até a próxima semana na região, com risco de tempestades. As temperaturas devem ficar amenas. Mileo expressou cautela em relação à previsão, observando que os riscos em questão estavam previstos desde a semana passada.

     

    AGRICULTURA: Prazo de edital de subvenção para projetos de irrigação é prorrogado no RS

    O prazo para produtores interessados em executar projetos de irrigação foi prorrogado até o dia 17 de novembro. A data prevista pelo edital terminava hoje (30/10). O valor destinado pelo governo do Rio Grande do Sul é de R$ 20,2 milhões. O processo está sendo coordenado pela Secretaria da Agricultura, Pecuária, Produção Sustentável e Irrigação (Seapi). Os recursos poderão ser solicitados pelos próprios produtores rurais, como pessoa física, para projetos divididos em duas categorias: instalação ou ampliação de sistemas de irrigação dentro das modalidades de aspersão, localizada ou por sulcos, bem como a construção, adequação ou ampliação de reservatórios de água, desde que destinados à irrigação. O montante por produtor será o correspondente a 20% do valor do projeto, podendo chegar a até R$ 15 mil por requerente, valor pago em parcela única. A seleção e aprovação das propostas será realizada de forma cronológica, sendo limitada pela disponibilidade orçamentária da ação.

     

    CARNES: Brasil e Indonésia firmam cooperação técnica para produção de vacinas contra febre aftosa

    O Ministério da Agricultura e Pecuária (Mapa) e o Ministério da Agricultura e Pecuária da Indonésia, por intermédio da Diretoria Geral de Pecuária e Saúde Animal (DGLAH), celebraram acordo técnico para o desenvolvimento de vacinas contra a febre aftosa. A assinatura aconteceu após a reunião do ministro da Agricultura e Pecuária, Carlos Fávaro, com o ministro da Agricultura da República da Indonésia, Andi Amran Sulaiman, na tarde desta segunda-feira (30), em Jacarta. Fávaro destacou que a cooperação vai permitir que a Indonésia tenha acesso às tecnologias criadas pelo Brasil para o desenvolvimento de vacinas para a febre aftosa. "O Brasil vai ser colaborativo, tenho certeza de que será uma ampla oportunidade para os dois países, já que nós temos parque fabril disponível para produzir essa vacina e também compartilhar com a Indonésia", disse. O acordo firmado serve como diretriz de implementação para certificar o fornecimento de matérias-primas e materiais intermediários para a produção de vacinas contra a doença; gerenciar e certificar a transferência e a validação da tecnologia empregada no desenvolvimento de isolados locais para a produção das vacinas e kits de diagnóstico na Indonésia e aumentar a capacidade de produção e teste de vacinas locais. Além disso, visa estabelecer meios para apoio técnico-científico para o controle e erradicação da febre aftosa com base na experiência do Brasil. No país, o último foco da doença ocorreu em 2006 e todo o território do país é reconhecido internacionalmente como livre da febre aftosa (zonas com e sem vacinação) desde 2018.

     

    SOJA: Por falta de chuva, produtores terão que replantar em MT

    A falta de chuvas em Mato Grosso já tem preocupado muitos produtores de soja. Sem as precipitações necessárias não houve avanço significativo no plantio esta semana. De acordo com Instituto de Economia Agropecuária (IMEA), cerca de 70,05% das áreas foram semeadas no estado, mas o atraso em relação ao ano passado já chegou a 23,46 pontos percentuais. E os agricultores começam a se preparar para o replantio de algumas áreas. Ainda conforme análise do IMEA, no comparativo com a média dos últimos cinco anos, os trabalhos a campo da safra atual estão atrasados em 1,60 pontos percentuais, cenário visto pela primeira vez na temporada. O diretor-executivo da Agro-Sol Sementes, Eduardo Dallastra, afirmou que não é o cenário que gostaria de presenciar em Mato Grosso. "A Agro-Sol se solidariza com os agricultores de soja e reafirma seu compromisso em fornecer as melhores soluções para enfrentar os desafios climáticos. Estamos ao lado dos produtores, oferecendo suporte na entrega de sementes de qualidade 100% prontas, para garantir um plantio rápido e seguro, esperando uma colheita bem-sucedida, mesmo diante das adversidades", disse.