John Deere logo

    Conecta

    Sua fonte centralizada de notícias Agro

    Novas tendências de inclusão e diversidade

    Saiba mais sobre pautas sociais, raciais e ageless, listadas no relatório produzido e divulgado pelo SEBRAE Inteligência de Mercado
    Rafael De Marco
    Arquivo
    Arquivo

    Tags:

    Inclusão

    Diversidade

    Diversidade e equidade precisam ser mais que palavras utilizadas em campanhas de marketing. Não é de hoje, inclusão deve ser um norte para todos os segmentos da sociedade, na cidade e no campo.

     

    Para mapear algumas tendências, o SEBRAE Inteligência de Mercado divulgou relatório com informações e dicas relacionadas a pautas sociais e raciais e também ligadas de combate ao Etarismo, ou seja, o desrespeito à capacidade de uma pessoa em função da idade.

     

    “A diversidade tende a atingir o topo das narrativas sociais, dando origem a designs democráticos, iniciativas colaborativas e plataformas baseadas em valores. Iniciativas colaborativas mudarão a dinâmica entre marcas e consumidores. Os negócios focados em produtos e serviços para grupos anteriormente “invisíveis” estão em alta e continuarão assim em 2023”, aponta o estudo do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas.  

     

    Confira as microtendências de inclusão e diversidade que estarão presentes em 2023, de acordo com o SEBRAE:

     

     

    PAUTAS SOCIAIS (E RACIAIS)

    Conheça novas tendências de inclusão e diversidade 1

    Os últimos dois anos registraram uma mudança para “propósito social e inclusão”, que pressiona as empresas a ampliar a visão e mostrar percepções diversas nas estratégias.

     

    Isso inclui inserir nas suas ações, as considerações e peculiaridades de:

    • Gênero

    • Etnia

    • Crença

    • Diferenças Regionais

    • Diferenças Geracionais

    • Etc

     

    DICAS

    • Trabalhe a Nova masculinidade, a Diversidade étnica e a Cultura

     visual mais inclusiva, reconhecendo os consumidores com diferentes características.

    • Repense as operações do varejo, para serem mais inclusivas.

    • Atente para a acessibilidade PcD nas suas instalações. Lembre-se que implementar acessibilidade não é sinônimo de “rampas mal construídas”, que passam longe das normas reguladoras. 

    • Ofereça autonomia e inclusão.

    • Seja cuidadoso na maneira como retrata homens e mulheres em suas campanhas, produtos, serviços, atendimento e não fragilize a imagem da sua empresa com estereótipos desgastados.

     

    AGELESS (SEM IDADE)

    Conheça novas tendências de inclusão e diversidade 2

    O envelhecimento da população ressignifica a terceira idade. Com perfis mais “joviais”, dispostos a experimentar e mais digitalizados, esse público passa a ocupar uma presença relevante no mercado.

     

    Estamos na era “silver”, com o mercado prateado brilhando em vários segmentos. O mundo está, sim, caminhando a passos largos rumo a um mar prateado.

     

    DICAS

    • Amplie o entendimento de como as pessoas de 50, 60, 70, 80+ estão sendo tratadas e representadas no seu segmento.

    • Olhe o envelhecimento com lentes atuais. Os idosos não só existem, como, em grande parte dos lares brasileiros, são os principais provedores. Eles estão vivendo mais e querem trabalhar, namorar, viajar, ler, sair e consumir.

    • Estude esse público e aproveite as oportunidades. Empresas que percebem essa possibilidade, saem na frente em estratégias para se comunicar e conquistar este público.

     

    Acesse o site Inteligência de Mercado do SEBRAE para conferir o relatório completo e dicas para implementara ações de acordo com as tendências apresentadas