John Deere logo

    Conecta

    Sua fonte centralizada de notícias Agro

    Acesse médias diárias de estações fluviométricas

    Agência Nacional de Águas e Saneamento Básico disponibiliza séries históricas de dados de níveis e vazões de estações em todo o País
    Rafael De Marco
    Divulgação (ANA)
    Divulgação (ANA)

    Tags:

    Inovação

    A Agência Nacional de Águas e Saneamento Básico (ANA) disponibilizou séries históricas de dados de níveis e vazões médias diárias de estações fluviométricas (que medem rios) da Rede Hidrometeorológica Nacional (RHN) até 25 de setembro deste ano. Desde 24 de outubro, esses dados de níveis de 7,3 mil estações e de vazões de 4,1 mil pontos monitorados podem ser acessados temporariamente em página da RHN.

     

    Clique AQUI para acessar.

     

    Nessa plataforma estão sendo disponibilizados tanto dados brutos (resultantes de análises preliminares) quanto dados consistidos (após análises mais aprofundadas). As informações estão sendo disponibilizados por meio de até dois arquivos por estação de monitoramento, sendo um com dados de cotas médias diárias e outro com dados de vazões médias diárias.

     

    Acesse diretamente a pasta de uma estação específica AQUI .

     

    Para obter os arquivos de níveis médios diários e/ou de vazão médias diárias, é necessário utilizar este padrão. Por exemplo, a estação de código 15400000 deve ser consultada com o seguinte endereço:
    https://github.com/anagovbr/hidro-dados-estacoes-convencionais/tree/main/fluviometricas/15400000 .

     

    Devido ao ataque cibernético à ANA verificado em 27 de setembro, os dados de cotas médias diárias e de vazões médias diárias de estações convencionais da RHN estão sendo disponibilizados de forma temporária. Para acessar, clique AQUI .

     

    Em caso de dúvidas sobre os dados disponibilizados, os(as) usuários(as) podem entrar em contato com a ANA pelo e-mail para hidro@ana.gov.br ou pelo telefone (61) 2109-5242.

     

    A REDE HIDROMETEOROLÓGICA NACIONAL

    A ANA coordena as atividades desenvolvidas no âmbito da Rede Hidrometeorológica Nacional (RHN) conforme estabelecido pela Lei nº 9.984/2000 . A Agência possui uma rede de monitoramento de níveis e vazões de rios e de chuvas em todo o Brasil. São quase 4,8 mil estações de monitoramento, sendo 1.960 estações fluviométricas (medem níveis e/ou vazões de rios) e 2.840 estações pluviométricas (medem chuvas).

     

    A RHN visa a prover informações de boa qualidade, para atender aos diversos estudos e projetos na área de recursos hídricos, sendo fundamentais em análises relacionadas a aproveitamentos hidrelétricos, à gestão dos recursos hídricos, ao planejamento e manejo integrados de bacias hidrográficas, saneamento básico, abastecimento público e industrial, navegação, irrigação, pecuária, previsão hidrológica, dentre outros estudos de grande importância científica e socioeconômica, bem como de impacto ambiental. Os dados registrados fornecem subsídios à efetiva implementação da Política Nacional de Recursos Hídricos, instituída pela Lei nº 9.433/1997.

     

    Com informações da Agência Nacional de Águas e Saneamento Básico (ANA)