John Deere logo

    Conecta

    Sua fonte centralizada de notícias Agro

    John Deere aposta em tecnologia e inovação na Expodireto Cotrijal

    Companhia apresenta soluções inovadoras e tecnológicas com foco em aumento de produtividade, rentabilidade e sustentabilidade
    John Deere
    Créditos: Divulgação
    Créditos: Divulgação

    Tags:

    Concessionária

    Pulverizador

    John Deere

    Com o objetivo de sempre levar soluções cada vez mais inovadoras e atender às demandas de seus clientes, a John Deere, empresa global de tecnologia que fornece, principalmente, software e equipamentos para os setores agrícola, de construção e florestal, apresentou na Expodireto Cotrijal 2023 lançamentos focados no aumento da produtividade, rentabilidade e sustentabilidade. O evento foi realizado entre os dias 6 e 10 de março, na cidade de Não-Me-Toque (RS), e a companhia foi representada pelos concessionários SLC Máquinas, Alvorada e Verdes Vales.
     
    Com a produção agrícola do Rio Grande do Sul enfrentando as perdas expressivas provocadas pela estiagem que afetou as lavouras em diversas regiões do Estado, a John Deere levou à feira o que há de mais moderno em inovação, tecnologia e oportunidades no mercado. "Nosso objetivo é apoiar o produtor gaúcho e auxiliar na otimização do campo, diminuindo as perdas e amenizando os gastos, para tornar as operações cada vez mais sustentáveis", explica Marcelo Lopes, diretor de Vendas da John Deere Brasil.
     
    A presença da companhia no evento evidenciou como a tecnologia beneficia o trabalhador rural e otimiza seu trabalho, realizando serviços precisos e ágeis. Hoje, as máquinas são ferramentas fundamentais para a gestão no campo. O objetivo da empresa é democratizar e facilitar a vida do trabalhador com segurança e pensando nos mais diversos cenários. "Trata-se de utilizar o equipamento certo, no momento certo, no lugar certo, e otimizar ao máximo o que cada máquina tem a oferecer em cada situação, fazendo ainda mais a diferença na questão de sustentabilidade. É um verdadeiro ecossistema colaborativo e eficiente", reforça o diretor.
     
    CONECTIVIDADE E PÓS-VENDAS
    Os visitantes da feira conheceram mais de perto o Centro de Soluções Conectadas (CSC), um serviço de suporte remoto às operações agrícolas de clientes e parceiros que usa uma base de dados – colhidos pelas próprias máquinas durante as operações – para identificar oportunidades de redução de custos e otimização de equipamentos.
     
    CSC
    O Brasil tem hoje 42 Centros de Soluções Conectadas (CSC) para auxiliar na gestão do produtor, a maior concentração do mundo desses centros de tecnologia em um único país. É uma inovação que altera o modo de trabalhar do produtor, e prova disso é que, em 2021, 85% dos chamados foram abertos ou resolvidos à distância. Além da eficácia, o suporte remoto exerce influência positiva sobre o bolso do produtor. O custo médio dos serviços/assistência técnica, quando feitos ou iniciados de forma remota, fica até 60% mais barato, com grande economia em gastos de deslocamento e, acima de tudo, redução do tempo de máquina parada.
     
    Para manter a eficiência, a John Deere conta com a maior rede de concessionários agrícolas do Brasil, com mais de 300 pontos de vendas que oferecem serviços de manutenção e otimização capazes de manter o rendimento operacional dos equipamentos durante toda sua vida útil.
     
    DESTAQUES NO ESTANDE
    A John Deere apresentou seus lançamentos para lavoura, focados nas oportunidades para os agricultores do Rio Grande do Sul.

    John Deere aposta em tecnologia e inovação na Expodireto Cotrijal 1

    Entrando no mercado para ser o menor e mais versátil trator já comercializado pela John Deere no Brasil, o modelo 3036EN tem como foco pequenas propriedades, podendo também ser utilizado no cultivo de árvores frutíferas e granjas. O trator apresenta produtividade elevada, transmissão heavy duty – que permite um funcionamento mais suave e com menos ruído por meio do eixo vedado na dianteira e traseira – e um motor compacto, com potência de 36HP.
     
    Outra novidade que a John Deere apresentou é a Plataforma de Milho Greensystem, disponível em três versões aos produtores: a Standard, com chapa despigadora hidráulica; a Deluxe, que além da chapa possui também um sensor de altura; e a Premium, que oferece o sistema automático AutoTrac RowSense™ (com piloto automático e sensores de linhas) instalado de fábrica.
     
    As plataformas Greensystem estão disponíveis em tamanhos que variam de 8 a 23 linhas e de espaçamentos de 45, 50 e 60 centímetros, visando à adequação perfeita à propriedade rural do cliente. Também estarão expostas no estande da John Deere outras novidades da linha Greensystem, como o pulverizador de pecuária, o distribuidor de nutrientes e o tanque de inoculantes para todos os modelos de plantadeiras 2100 e DB.
     
    PULVERIZAÇÃO
    Como a precisão na aplicação é fundamental, a tecnologia se tornou uma das grandes aliadas do agricultor na pulverização. Por isso, o pulverizador M4030 conta com o novo sistema inteligente de controle de pontas (Individual Nozzle Control) da John Deere, o ExactApply™, que permite maior qualidade de aplicação e melhor cobertura, independente da velocidade, topografia e formato do talhão, devido à tecnologia de pulverização pulsada de 30 Hz e à troca inteligente entre duas pontas.
     
    John Deere aposta em tecnologia e inovação na Expodireto Cotrijal 2

    Quando falamos em plantio de qualidade, a Plantadeira John Deere PL1111 é capaz de garantir um bom desempenho mesmo em condições adversas. Desse modo, possui uma estrutura especializada para encarar terrenos irregulares, com alto volume de palha. O trabalho conjunto de seus componentes entrega precisão na deposição de sementes e fertilizante, além de uma notável economia de combustível. A máquina também proporciona uma economia de sementes 7% maior com a tecnologia de desligamento de linhas RowCommand™.
     
    Também estavam expostas no estande da John Deere as colheitadeiras S400, um projeto 100% nacional, pensado nas necessidades dos produtores do nosso País, e a S700, a mais automatizada do mercado. "A S400 foi pensada para o mercado brasileiro, é um produto focado na nossa agricultura e nos nossos produtores. Já a S700 conta com duas câmeras digitais que permitem que o sistema realize a leitura da passagem de grãos, identificando impurezas e grãos quebrados, e promovendo automaticamente os ajustes necessários – a cada três minutos – para manter a performance e a qualidade dos grãos. O resultado é um grão 17% superior em qualidade, somado a 13% de redução de perdas", ressalta Lopes.
     
    CONSTRUÇÃO
    A John Deere também levou máquinas da Linha Amarela, destacando principalmente a comunicação entre as divisões agrícolas, de construção e pavimentação. Estavam disponíveis aos visitantes uma retroescavadeira 310L Retro, uma pá-carregadeira 524K-II e a 444G, projetada para as operações brasileiras agrícolas e de construção. Além disso, uma escavadeira hidráulica 210G LC, um trator de esteira 750J-II e uma motoniveladora 620G.