John Deere lança primeira plantadeira florestal

A Nilgiri 1.0 é a grande novidade da companhia, capaz de plantar 1.200 mudas por hora e otimizar em até 90% o tempo de trabalho manual

Soluções John Deere

img-news
A John Deere, líder mundial na produção de equipamentos florestais e a única a oferecer um portfólio completo para silvicultura, do preparo de solo à colheita, apresenta um protótipo inédito da plantadeira Nilgiri 1.0, uma verdadeira revolução para o mercado florestal. 

Por meio de um plantio georeferenciado, com baixo custo diário, o novo equipamento vem com piloto automático, sistemas TimberMatic Maps & TimberManager, redução de mão de obra e uso eficiente da água tudo isso feito com planejamento remoto das operações.

Além da Nilgiri 1.0, a John Deere conta com novos produtos e conceitos para a área florestal - entre eles o cabeçote H225E acoplado na máquina 2144G e a ferramenta de capacitação TimberSkills. A atualização do cabeçote apresenta melhorias no processamento de árvores curvas e tortas com a medição mais precisa do comprimento, melhor proteção do cilindro do braço do rolo, e aprimoramento nos rolos de alimentação de ângulo variável (Vario). Essas e outras melhorias garantem a alta produtividade, além de facilitar no serviço do produtor.

A área de floresta da John Deere também conta com toda a tecnologia disponível no Centro de Soluções Conectadas, com as ferramentas e tecnologias mais atualizadas da companhia. "Um time de especialistas está à disposição para demonstrar o valor das soluções e como a John Deere pode contribuir para os clientes se tornarem mais eficientes, diminuindo as perdas e melhorando a operação no campo", comenta Rodrigo Barbosa, gerente de marketing da divisão de florestal da John Deere.

O protótipo inédito da plantadeira Nilgiri 1.0 foi apresentado na feira da indústria do eucalipto – Show Florestal 2022 –,realizada em Três Lagoas, Mato Grosso do Sul. Trata-se de um importante evento nacional que visa impulsionar o crescimento do mercado industrial de florestas plantadas, promover inovação e gerar novos negócios. “Para a John Deere, fazer parte desse encontro foi uma excelente oportunidade de estar ainda mais próximo dos clientes e parceiros no estado de Mato Grosso do Sul. Esta é uma região estratégica para o desenvolvimento do eucalipto como matéria-prima da indústria florestal e que abriga renomadas indústrias de celulose”, completa o executivo.

logo