John Deere logo

    Conecta

    Sua fonte centralizada de notícias Agro

    Coalização global lança na COP 27 compromisso contra o desperdício

    #compromisso123 busca engajar empresas, cidades e países em ações para reduzir o desperdício de alimentos em até 25% até 2030
    Embrapa
    Coalização global lança na COP 27 compromisso contra o desperdício
    Coalização global lança na COP 27 compromisso contra o desperdício

    Tags:

    Sustentabilidade

    Alimentação

    Mundo

    John Deere

    A 27ª sessão da Conferência das Partes, a COP 27, promovida pela Organização das Nações Unidas (ONU) de 7 a 18 de novembro, em Sharm El-Sheihk, no Egito, conta com o lançamento do #123Pledge (#compromisso123), uma iniciativa da coalizão global “Food is never waste” para engajar mais empresas, cidades e países nas ações de mitigação do desperdício de alimentos. O compromisso faz referência ao Objetivo de Desenvolvimento Sustentável 12.3, que estabelece a meta de redução de perdas e desperdício de alimentos em 50% até 2030.


    Coalização global lança na COP 27 compromisso contra o desperdício 1


    A nova iniciativa envolve a rede Champions 12.3, que recentemente esteve reunida em Nova York, durante evento pré-COP 27 na semana do clima, que ocorre tradicionalmente em paralelo à Assembleia Geral da ONU. A Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (FAO), a ONU Meio Ambiente (PNUMA) e o World Resources Institute (WRI) lideram o #compromisso123 com apoio da Waste and Resources Action Programme (WRAP, Reino Unido). O Brasil, um dos países signatários da coalizão global, está sendo convidado para apresentar seus planos de ação para o ODS 12.3 durante a COP 27.

    Em webinário com os membros da coalizão e rede Champions 12.3, o CEO da WRAP, Richard Swannel, salientou que o caminho a ser percorrido por empresas, cidades ou países que almejam se engajar mais no alcance do ODS 12.3 é estabelecer metas claras, colocar em prática planos de mensuração dos pontos críticos da cadeia produtiva de alimentos e usar a quantificação para apontar as decisões a serem tomadas.


    MUDANÇAS CLIMÁTICAS

    Para Clementine O’Connor, ponto focal da ONU Meio Ambiente sobre desperdício de alimentos, o compromisso é uma oportunidade para os países integrarem mais o tema alimentos nas estratégias nacionais de mitigação das mudanças climáticas. “A redução do desperdício já aparece nos compromissos assumidos por 21 países no Acordo de Paris, e boas práticas tais como redistribuição de alimentos excedentes ou reaproveitamento de resíduos orgânicos podem ser salientadas no compromisso123”, destaca.

    “O Brasil já delineou uma estratégia nacional para redução de perdas e desperdício de alimentos, em 2018, mas que precisa ser revisitada e atualizada. O Grupo de Trabalho sobre o tema, liderado pelo Ministério da Agricultura e concluído recentemente, apontou algumas oportunidades de ação para os órgãos públicos da esfera federal”, comenta o analista da Embrapa Alimentos e Territórios, Gustavo Porpino, que atua como representante do Brasil na coalizão “Food is never waste”. Segundo Porpino, a redução do desperdício de alimentos é um tema de elevada importância ambiental e social, e uma forma sustentável de os países ampliarem a oferta de alimentos e fortalecerem ações de enfrentamento à fome.

    A chamada para ação do #compromisso123 será disseminada pela FAO, WRI e PNUMA entre os países, que poderão desenvolver iniciativas locais para engajar também cidades, empresas e organizações não governamentais (ONGs). O chamado #compromisso123 prevê iniciativas que busquem reduzir o desperdício de alimentos em 25% até 2030, e podem ser específicas para determinadas cadeias produtivas de alimentos ou determinados elos da cadeia produtiva, tais como produção, varejo ou consumo, por exemplo.