John Deere logo

    Conecta

    Sua fonte centralizada de notícias Agro

    ONU mapeia engajamento de líderes empresariais em metas sustentáveis

    Estudo do Pacto Global da ONU e Accenture mostra que 93% dos CEOs enfrentam dez ou mais desafios relacionados ao tema e 66% dos garantem que suas empresas estão engajadas
    Rafael De Marco
    Créditos: Arquivo
    Créditos: Arquivo

    Tags:

    Sustentabilidade

    Em 2015, a ONU propôs aos seus países membros uma nova agenda de desenvolvimento sustentável para os próximos 15 anos, a Agenda 2030, composta pelos 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS). Trata-se de um apelo global à ação para acabar com a pobreza, proteger o meio ambiente e o clima e garantir que as pessoas, em todos os lugares, possam desfrutar de paz e de prosperidade.
     
    Recentemente, o Pacto Global da ONU e Accenture realizou um estudo que apontou que 93% dos CEOs enfrentam dez ou mais desafios relacionados a sustentabilidade.  Entre eles, foi apurado que 87% acreditam que o atual nível de mudança está elevado ao ponto de impactar na entrega dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU (ODS).
      ONU mapeia engajamento de líderes empresariais em metas sustentáveis 1

    "Em um mundo marcado por conflitos, quedas de energia, alta inflação e por ameaças de recessão, o estudo deste ano mostra que os CEOs não acreditam mais que o mundo é tão resiliente às crises quanto esperávamos. Os negócios continuam sendo muito impactados e, como resultado, têm uma extensa gama de problemas como as mudanças climáticas fora de controle e o crescimento das desigualdades sociais e econômicas. As ações das empresas, agora, não têm a ambição e o ritmo necessários para atingir os Objetivos de Desenvolvimento Sustentáveis em 2030”, afirmou Sanda Ojiambo, Assistente do Secretário-Geral da ONU e CEO do Pacto Global, em reportagem do PropMark.
     
    Segundo o documento do Pacto Global da ONU e Accenture, 98% dos líderes concordam que a sustentabilidade é um assunto primordial em seus cargos, um sentimento que cresceu 15% em comparação aos últimos 10 anos de estudo. Já 43% dos CEOs entrevistados afirmaram que os esforços de sustentabilidade foram dificultados pelo ambiente geopolítico. A porcentagem é ainda maior em países em desenvolvimento, chegando a 51%.
     
    Saiba mais sobre os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) no site da ONU Brasil e do Pacto Global

    Segundo a pesquisa, 66% (dois terços dos executivos) apontaram que suas empresas estão engajadas em parcerias estratégicas de longo prazo, treinamento de colaboradores, ajustes com fornecedores e investimento em tecnologia para atingir metas sustentáveis.
     
    Porém, em relação a atingir o carbono zero, a Accenture apontou que quase todas as empresas irão falhar nas suas próprias metas se não dobrarem a redução de emissões de carbono até 2030.
     
    MAIS DADOS DA PESQUISA:
    63% afirmam que a sustentabilidade entra nos negócios por meio de novos produtos e serviços
    55% buscam melhorar os dados de sustentabilidade em toda sua cadeia de valor
    49% investem em energias renováveis (49%)
    40% estão aumentando os investimentos em inovação sustentável
    49% estão mudando para um modelo de negócios circular
     
    8 iniciativas principais para construir a resiliência das empresas:
    1 - Estabelecer objetivos de clima com metas baseadas na ciência
    2 - Investir na diversidade da força de trabalho
    3 - Fazer parcerias com outras indústrias para soluções tecnológicas
    4 - Aumentar a visibilidade da cadeia de suprimentos
    5 - Proteger uma maior biodiversidade.
    6 - Cobrar dos governos mudanças nas políticas para priorizar objetivos mensuráveis em longo prazo
    7 - Padronizar os trabalhos em ESG
    8 - Trabalhar para construir um mercado global de carbono e incentivo para modelos sustentáveis de negócios

    Para ler o artigo completo no PropMark, clique AQUI